De Autocaravana, tenho vindo a viajar ''cá dentro'' e pela Europa... para lá do Círculo Polar Àrtico - até ao Cabo Norte, onde vivenciei o ''Sol da Meia-Noite''.
Viajei em Autocaravana pelo Norte de Àfrica... (mais de uma vez), muito para lá do Trópico de Cancer... até à Guiné-Bissau.
Fui também por estrada à Àsia - Turquia e Capadócia, sendo que no regresso fiz a Croácia e dei um saltinho a Mostar e Saraevo na Bósnia-Herzegovina.
Sem pretensiosismo literário ou outros, apenas pela PARTILHA, dessas e outras viagens vou dando conta neste espaço.

Países visitados em Autocaravana: - EUROPA: ESPANHA – ANDORRA -FRANÇA-ITÁLIA-MÓNACO- REINO UNIDO - IRLANDA -HUNGRIA-REP.CHECA-SUÉCIA-ESLOVÉNIA - ESLOVÁQUIA- POLÓNIA-AUSTRIA-SUIÇA-ALEMANHA-BÉLGICA-HOLANDA-DINAMARCA-NORUEGA-FINLÂNDIA-ESTÓNIA-LETÓNIA-LITUÂNIA-BULGARIA - BÓSNIA HERZGOVINA- ROMÉNIA -GRÉCIA – CROÁCIA – LIENCHSTEIN – LUXEMBURGO – S.MARINO - VATICANO ÀSIA : -TURQUIA-CAPADÓCIA ÀFRICA: GUINÉ-BISSAU – CASAMANÇA – GÂMBIA – SENEGAL – MAURITÂNIA – SAHARA - MARROCOS

Outras viagens:RÚSSIA (Moscovo e S. Petesburgo) -AMÉRICA do NORTE:CANADÁ (Quebec-Ontário-Montreal-Otawa-Niagara falls) - EUA(Boston-Nova Iorque-Cap Kenedy-Orlando - Miami)AMÉRICA CENTRAL:CUBA (Havana - S. Tiago de Cuba - Trinidad - Cienfuegos - Varadero)- ÀSIA :CHINA (Macau-Hong Kong) - VIETNAM(Hanói-Danang-Ho Chi Min) -

quarta-feira, novembro 14, 2012

Tradição Outonal ( II )

Dia 4 de viagem - 3.NOV.12 - sábado
VINHAIS - BRAGANÇA
Com o amanhecer deveras nublado e  denso nevoeiro, rumamos a Bragança, e como previra-mos, iniciamos todo um percurso que irá repetir-se nos próximos dias com as paisagens onde os belíssimos carvalhos americanos no pico da coloração outonal vão espreitando por entre mares de verde.
Viagem não muito longa por estrada algo sinuosa mesmo se de bom piso não permitindo velocidades acima dos 60 km/h pelo que na maioria das curvas os 40 km/h passaram a ser a velocidade de ''cruzeiro''.
''caretos'' - rotunda em Bragança
Devido à velocidade reduzida e dado que os meus amigos andam sempre mais acelerados, sugeri que poderiam ir mais rápido até que os perdi de vista...
AS de Bragança
Cheguei entretanto à AS de Bragança, que se situa na encosta leste do castelo seguindo cegamente as indicações do meu Gps ''Garmin'' que me guiou pelas avenidas largas até lá.
Os meus amigos entretanto tardaram em chegar e culpabilizaram o pobre do seu Gps pelos 15 minutos de atraso e a passagem pela estreita rua que desde o centro histórico os levou a passar ''um cotovelo'' estreito na rua de acesso ao castelo.
Um ótimo local para pernoitar e visitar a cidade
Ri a bom rir... concluindo que quem tem pressa melhor fará ir devagar... pois assim se vai ao longe!!!






A cidade ali ao pé... havia que a redescobrir.
Pelas suas estreitas ruas.
Pelo seu Património
Pelas magníficas áreas verdes.













Nunca me canso de andar por estas paragens e partilhar alguns destes momentos e vivência mágicos, embora se repitam todos os anos, diferem sempre e são dignos de ser vividos, entranhando-se em mim toda esta luz, cor e aromas.
E já agora porque não relembrar aquilo que Miguel Torga tão bem descreve na sua poesia:
O U T O N O
''Tarde pintada
Por não sei que pintor.
Nunca vi tanta cor
 Tão colorida!
Se é de morte ou de vida,
 Não é comigo.
Eu, simplesmente digo
 Que há fantasia
Neste dia,
 Que o mundo me parece
Vestido por ciganas adivinhas,

 E que gosto de o ver, e me apetece
ter folhas, como as vinhas''
 Miguel Torga, Diário X (1966)

uma caminhada agradável com o castelo a avistar-se
diferentes olhares
Chegada a noite e aproveitando a ausência de chuva, o braseiro facilitou a vida a quem sabe usar os produtos da terra e nos proporcionou belos petiscos e uma sopa à lavrador divinal.

Percorridos: 264 Km (dia 36 km)
AS - N 41º 48' 13.9'' W 006º 44' 46.6''
Enviar um comentário