De Autocaravana, tenho vindo a viajar ''cá dentro'' e pela Europa... para lá do Círculo Polar Àrtico - até ao Cabo Norte, onde vivenciei o ''Sol da Meia-Noite''.
Viajei em Autocaravana pelo Norte de Àfrica... (mais de uma vez), muito para lá do Trópico de Cancer... até à Guiné-Bissau.
Fui também por estrada à Àsia - Turquia e Capadócia, sendo que no regresso fiz a Croácia e dei um saltinho a Mostar e Saraevo na Bósnia-Herzegovina.
Sem pretensiosismo literário ou outros, apenas pela PARTILHA, dessas e outras viagens vou dando conta neste espaço.

Países visitados em Autocaravana: - EUROPA: ESPANHA – ANDORRA -FRANÇA-ITÁLIA-MÓNACO- REINO UNIDO - IRLANDA -HUNGRIA-REP.CHECA-SUÉCIA-ESLOVÉNIA - ESLOVÁQUIA- POLÓNIA-AUSTRIA-SUIÇA-ALEMANHA-BÉLGICA-HOLANDA-DINAMARCA-NORUEGA-FINLÂNDIA-ESTÓNIA-LETÓNIA-LITUÂNIA-BULGARIA - BÓSNIA HERZGOVINA- ROMÉNIA -GRÉCIA – CROÁCIA – LIENCHSTEIN – LUXEMBURGO – S.MARINO - VATICANO ÀSIA : -TURQUIA-CAPADÓCIA ÀFRICA: GUINÉ-BISSAU – CASAMANÇA – GÂMBIA – SENEGAL – MAURITÂNIA – SAHARA - MARROCOS

Outras viagens:RÚSSIA (Moscovo e S. Petesburgo) -AMÉRICA do NORTE:CANADÁ (Quebec-Ontário-Montreal-Otawa-Niagara falls) - EUA(Boston-Nova Iorque-Cap Kenedy-Orlando - Miami)AMÉRICA CENTRAL:CUBA (Havana - S. Tiago de Cuba - Trinidad - Cienfuegos - Varadero)- ÀSIA :CHINA (Macau-Hong Kong) - VIETNAM(Hanói-Danang-Ho Chi Min) - África - -Angola - São Tomé e Príncipe (S. Tomé +Ilha Príncipe + Ilhéu das Rolas) - Ilhas - Madeira + Porto Santo + Açores (S.Miguel+Terceira+Pico)

quinta-feira, julho 04, 2019

Crónica de Autocaravanista Itinerante - Vamos à Festa dos Tabuleiros a Tomar


Crónica de Autocaravanista Itinerante - Dia 1 - Vamos à Festa - 29jun19.
BRAGA - Vila Verde - Freixo - AGUÇADOURA
“Viajar torna o sábio melhor e o tolo pior” Thomas Fuller
Vai para 15 anos que me tenho acostumado a viajar, por aqui e por ali sendo que por estrada já fiz um pouco de tudo, pela Europa até à Àsia e norte de Àfrica até à Guiné-Bissau.
Ao chegar já estou a pensar para onde ir ainda que em meu redor, mas, o que é necessário é partir! 
Antes porém vim apanhar a fresca e matar o tempo junto ao mar.














A caminhada com direito a brisa fresca de maresia.
Ao chegar a Aver-O-Mar, constato que a Autarquia de Póvoa de Varzim colocou placas de proibição de paragem de autocaravanas em toda a linha de costa. Uma parolagem Autárquica que não faz sentido, mas enfim.
Resta sempre espaço para mim aqui ou ali e nos meses de julho e agosto é na Praia de Aguçadoura fico pois como a avenida marginal apenas tem quintais não é procurada.
Amanhã, lá vou eu a caminho de uma Festa Especial.
Venham daí comigo.
Percorridos: 8o Kms


Crónica de Autocaravanista Itinerante - Dia 2 - Vamos à Festa - 30jun19.
AGUÇADOURA - Braga - COIMBRA
O dia de sol ajudou à paz e acalmia do local. O mar amainou e mesmo se o vento não abundava, as pessoas estendiam-se na praia com os já habituais resguardos bem conhecidos nas praias do Norte. Banhos é que não, àgua fria e ondulação por vezes perigosa.




Já a tarde caía e avançávamos estrada fora. Meia hora de pára arranque antes de Barcelos derivado a acidente. Só após a passagem da sexta ambulância decidi retroceder e tomar a Auto Estrada até Barcelos. Braga até ao Porto, fez-se bem pela EN pois o trânsito era diminuto. Só depois de pensar um pouco reparei que por ser o último dia do mês, há pessoas que já não tem dinheiro para meter combustível no automóvel. É triste, mas é uma verdade.

Para encurtar o tempo de viagem, segui pela AE até São João da Madeira.
Cheguei a Coimbra pelas 10 da noite onde ainda encontrei os meus Amigos de outras viagens a aguardar-me.
Amanhã, seguiremos.
Percorridos: 303 Kms ( Dia 223 Kms )


Crónica de Autocaravanista Itinerante - Dia 3 - Vamos à Festa - 1jul19.
COIMBRA - Pinhel - TOMAR
Sabemos ainda ser cedo para avançar para o nosso destino elegido. A Festa já começou há dois dias. Mais vale esperar que ter surpresas desagradáveis.


 Passagem em Penela
O antigo parque de campismo ainda não está repleto. Pudemos escolher lugares aceitáveis para aqui virmos a 'pastar' sete dias.













Haveremos de encontrar formas de ocupar o tempo nesta pequena cidade sempre apetecível.











Após o almoço a ida ao café/pastelaria ''Estrelas de Tomar'' onde os pequenos e minúsculos ''Queijinhos doces'', os ''Fatias de Tomar'' e os ''Beija-me depressa'' nos fazem lamber a beiça.
Uma ida ao edifício do Turismo e a passagem nas estreitas vielas onde o mulherio faz as limpezas e colocam os arcos onde instalarão depois as coloridas decorações.
Cá estamos nós para a Festa dos Tabuleiros que se realizam cada quatro anos.
Amanhã cá estaremos para mais notícias. 

Da parte da tarde ainda deu para ir ao edifício do Turismo obter informação sobre as Festas. nas ruas e vielas já os habitantes iniciavam as ornamentações. Esperemos que o tempo sem chuva se mantenha até domingo. Para já, roupas leves e a 'bejeca' da praxe.
Percorridos: 388 kMS ( Dia 85 Kms)


Crónica de Autocaravanista Itinerante - Dia 4 - Vamos à Festa - 2jul19.
TOMAR
Ainda vamos ter de penar até ao Dia D das Festas. Hoje o ex-Parque de Campismo encheu. Existem lugares mas como em todo o mundo existem oportunistas/comodistas que ocupam 2 ou 3 espaços. O que mais espaço detém, nem quero acreditar, é um casal Holandês... dispenso-me colocar a imagem de tal falta de civismo.
No meu caso, e agora, dos dois Artur que aqui estamos damos por bem ter chegado com antecedência e aqui estaremos muito melhor que nos inúmeros parques de estacionamento espalhados pela cidade pois ainda dispomos de espaço dedicado às autocaravanas os wc estão limpos e a água está disponível em vários pontos próximos.




Sombra e cadeiras no exterior atenuam os tempos de espera.

Uma olhadela à 'Casa dos Cubos' onde através de fotos fizemos uma viagem pela Festa dos Tabuleiros desde os primórdios da mesma.










Enquanto isso, visitamos parcialmente a magnífica Mata Nacional dos Sete Montes que se situa no centro citadino, paredes meias com o Convento de Cristo.

A mata é um pulmão verde com a sua extensa área verde onde predominam os pinheiros manso, cipreste comum, carvalho português, medronheiro, freixo e loureiro. Um espaço imensamente agradável e onde existem mecanismos para a prática de exercício físico.










À noite já se iam fazendo sentir os olfatos festivos e as 'moças' iam passando nas ruas de tabuleiro à cabeça para treinarem para o grande dia.
esta festividade ocorre cada 4 anos motivo pelo qual prescindi da ida ao 'Tour de France para poder apreciar esta secular Festa na nossa terra.


Crónica de Autocaravanista Itinerante - Dia 5 - Vamos à Festa - 3jul19.
TOMAR
Mais um dia para queimar o tempo agradável com uma ida ao vizinho mercado.
As voltinhas em redor e a receção ao Amigo do Seixal Eduardo Costa, com um avanço de um e recuo de outro, lá conseguimos os 4 lugares ainda com muito espaço para cadeiras e toldos.



O meu almoço foi simples mesmo se o tempo para o confecionar é muito. Uma posta de salmão tratada com azeite e alho e uma boa porção de espinafres acompanhados de uma salada de alface, coentros e pepino. 




À noite, a ida ao Mouchão para o concerto: Tributo a Pink Floyd.
E amanhã? Logo se verá.