De Autocaravana, tenho vindo a viajar ''cá dentro'' e pela Europa... para lá do Círculo Polar Àrtico - até ao Cabo Norte, onde vivenciei o ''Sol da Meia-Noite''.
Viajei em Autocaravana pelo Norte de Àfrica... (mais de uma vez), muito para lá do Trópico de Cancer... até à Guiné-Bissau.
Fui também por estrada à Àsia - Turquia e Capadócia, sendo que no regresso fiz a Croácia e dei um saltinho a Mostar e Saraevo na Bósnia-Herzegovina.
Sem pretensiosismo literário ou outros, apenas pela PARTILHA, dessas e outras viagens vou dando conta neste espaço.

Países visitados em Autocaravana: - EUROPA: ESPANHA – ANDORRA -FRANÇA-ITÁLIA-MÓNACO- REINO UNIDO - IRLANDA -HUNGRIA-REP.CHECA-SUÉCIA-ESLOVÉNIA - ESLOVÁQUIA- POLÓNIA-AUSTRIA-SUIÇA-ALEMANHA-BÉLGICA-HOLANDA-DINAMARCA-NORUEGA-FINLÂNDIA-ESTÓNIA-LETÓNIA-LITUÂNIA-BULGARIA - BÓSNIA HERZGOVINA- ROMÉNIA -GRÉCIA – CROÁCIA – LIENCHSTEIN – LUXEMBURGO – S.MARINO - VATICANO ÀSIA : -TURQUIA-CAPADÓCIA ÀFRICA: GUINÉ-BISSAU – CASAMANÇA – GÂMBIA – SENEGAL – MAURITÂNIA – SAHARA - MARROCOS

Outras viagens:RÚSSIA (Moscovo e S. Petesburgo) -AMÉRICA do NORTE:CANADÁ (Quebec-Ontário-Montreal-Otawa-Niagara falls) - EUA(Boston-Nova Iorque-Cap Kenedy-Orlando - Miami)AMÉRICA CENTRAL:CUBA (Havana - S. Tiago de Cuba - Trinidad - Cienfuegos - Varadero)- ÀSIA :CHINA (Macau-Hong Kong) - VIETNAM(Hanói-Danang-Ho Chi Min) -

domingo, agosto 22, 2010

Dia 50 a 58 Turquia, Bulgária e Roménia

Dia 50 - 18AGO10 - 4ª. Feira
 KABATEPE - Hotel KUM (Turquia)
O dia de hoje, é como que a ante-véspera da despedida da Turquia.
O local é óptimo, e aproveitarei para colocar ''a perna ao alto'' e se não melhorar... amanhã procurarei assistência em Edirne onde contamos ficar.
Pena minha de não poder ir à despedida dum mergulho no Mar Egeu... 
Entre o complexo hoteleiro e a praia,... as imensas tartaruguinhas...
Qujem não gostar de mar... fica-se por aqui...
O Apart-Hotel...
O lugarzinho do ''vício''... wireless... 
O Restaurante...
O Bar de praia.
E, claro... de novo o Mar Egeu!
Surgem variadas vezes estas árvores... parecem azeitonas... mas não são...
As tartarugas também gostam dum lugar ao sol...
É claro, que não resisti... após proceder à ''lavagem'' de roupas... enquanto secavam,... fiz-me às muito agradáveis águas da praia... foram apenas três mergulhos regeneradores... espero que o inchaço tenha gostado.
A interessante e sumptuosa  mesquita de Selimiye 
Dia 51 - 19AGO10 - 5ª. Feira
A TURQUIA É SEGURA?
 KABATEPE - Hotel KUM (Turquia) - EDIRNE
Despertei cedito... 8 horas... em PT 6 horas...
Reparo que o inchaço da minha perna, já se foi... Já posso continuar sem inquietudes...
Engtretanto ontem pelo Skype o David Estrêla, que terminou recentemente uma odisseia em AC por países considerados ''de risco'', pergunta-me a razão de aqui na Turquia termos optado por ficar em Campings...
Qualquer pessoa que nunca tenha vindo à Turquia (que não é o caso do David), pensaria que seria inseguro ficar não importa onde. Pois não é verdade... por todos os sítios onde passamos, a confiança nas pessoas é grande... e os turcos são hospitaleiros.
É seguro viajar pela Turquia (pelo menos pelos percursos que pisamos), mesmo em Istambul, no coração da cidade, ficamos num Parque (Oto Parque) e mesmo tendo ''guarda'' de nada valeria...
Então porque ficar quase sempre em Campings?
- O CALOR!!! Mesmo à noite... dos 30ºC aos 40ºC...
Há que abrir todas as janelas... fechando os mosqueteiros, claro... 
Como temos mais uma etape pela frente, vamos partir. O último dia na Turquia.
Rumo à cidade de EDIRNE, perto da fronteira com a Grécia, é uma cidade universitária e sede de uma das mais famosas atracções dos Turcos, a mesquita de Selimiye.
O Mar de Mármara... deste lado, a Europa e do outro a Àsia...
Pelo percurso ia passando um combóio militar - camiões a transportar enormes ''tanques''...
Esta não esperavamos... num centro comercial numa pequena cidade do percurso...







Chegados a cerca de 10 km do centro, entramos no camping OMUR.
Bem recebidos pela responsável do camping que inclusivé nos facultou informação para a visita da cidade. No Camping estavam 5 autocaravanas holandesas que iam para a Sária, Jordânia e mais não sei quantos países terminados em ''jão''...
Arrumadas as AC, saímos do camping para a cidade. A Emília na brincadeira, faz sinal de pedido de boleia, que foi de imediato respondido por um senhor duns 50 anos que simpáticamente nos levou ao destino.
Fez uma paragem a meio da viagem numa das lojas de que é gerente comercial, e fez questão de levar até ao termo a sua ajuda.
Fui tentando falar com ele,... mas nadaaaa... Perguntei-lhe quando chegaria a chuva à Turquia... não entendeu nada... ao passar num frondoso fontanário, apontei e gesticulei para ele entender o que é ''chuva''... disse-me que tinha entendido, mas continuou até parar junto a um antigo complexo de banhos turcos... foi o que interpretou...
Demos uma olhada ao edifício e prosseguimos na visita à bela mesquita do outro lado da rua, e claro havia de ser visitada a tão conhecida Mesquita Selimiye. Retiradas as sandálias... ficamos impressionados com a grandeza do templo daí que vamos abusar um pouco nas fotos que contam mais que mil palavras.






































Apoiei-me nesta ''colunata'' super bela... para à saída, calçar as sandálias.
Os ''lava pés''...
A galeria comercial tipo ''suc''.
Na cidade encontramos também motivo para fotografar locais ou cenas pouco habituais na nossa terra...
Fase I - Confesso que nunca tinha visto confeccionar um chupa-chupa deste tipo... colorido...
Os prédios em madeira do centro histórico.
Esta sim... é-nos familiar.
Do lado direito, o edifício dos ''banhos turcos'' onde fomos conduzidos.
Um sofá sem TV... não é sofá...
sem legenda...
Fase II do Chupa-Chupa...
Fase III - a entrega ao guloso cliente...
As Tishirt's da Mesquita...
Acho imensa piada ao traje festivo dos ''putos''...
No regresso ao camping, tomamos o ''Domus'' que por € 0,70 nos trouxe de volta.
Chegamos óbviamente sequiosos de ir à piscina... nem foi terde nem foi cêdo...
Um mergulho,... a foto e ei senão quando, surge a i.responsável do camping em altos gritos histéricos a dizer que teríamos de pagar mais € 5,00!!!...
É óbvio que se falasse com outros modos, até aceitariamos de bom grado, mas entendemos que é a sua estratégia para caçar mais uns cobres...
Apenas um mergulho... juro... € 5,00!!! É obra!!!


Um incidente que veio de certo modo ao fim de um mês de visita a um país, deixar uma ''nódoa''... uma turca (será que é?), malcriada, insolente, tipo bêsta... mas enfim... em todo o lado existem animálias...

Dia 52 - 20AGO10 - 6ª. Feira
EDIRNE (Turquia) - KIRKLARELI - DEREKÖI (Turquia) - MALKO TÃMOVO (Bulgária)- GRAMATIKOVO - KONDOLOVO - SOZOPOL
E à saída... após 1 mês de visita... a placa com: GÜLË GÜLË, ou seja... ADEUS... até à próxima.
Há saída do camping, a ''irresponsável'' do mesmo, escondeu-se... foi pena já que não pensava dizer-lhe nada, mas sim assenar-lhe com a mão, fazendo dos dedos um leque... quem não souber o que isso significava,... pergunte-me... escreverei para o seu email, sem sombra de dúvidas...
E,... lá estava assinalada... Bulgária...
A vida continua e como tal, lá seguimos a estrada ''mais curta'' indicada pelo Búlgaro que encontramos. Na saída da Turquia a estrada nem constava dos GPS, pudera, era novinha ''em folha'' e pelo que vimos, co-financiada pela CE... na fronteira, ''o atraso em termos de alguns funcionários e das instalações obsoletas... mas... perdemos uns 15 minutos em ambas... e na entrada da Bulgária, ou seja na entrada da CE a que pertencemos, dois ''buldozer's'' mal encarados, cada um à vez, quizeram dar uma olhada na ''africana'' e na sua ''garagem''... acho que mais pela curiosidade que por outro motivo...
Lá compramos mais uma ''vinheta'' que não cara... €5,00, e prosseguimos de novo...
A estrada mostrou logo que algo estava mal. Brechas e buracos mil... o saltitar do assento não agradou muito (há sempre quem goste), mas... que haviamos de fazer? 
Estrada esboroada, estreita, de bermas cheias de infestantes,... mas floresta, muita floresta, incólome aos incêndios.
A primeira cidade que passamos ao lado, mostrava na pequena encosta um enorme edificio (talvez um hotel tipo ''inatel'') mas completamente degradado... janelas partidas... e as construções periféricas de apoio a alguma ex-cooperativa rural, igualmente em ruínas... a estrada para além de degradada, é estreita e as bermas estão repletas de ervas daninhas e ávores, muitas árvores, muitas florestas, mas por estranho que pareça, como na Turquia, não existirão ''pirómanos'' como em Portugal... Vivam os Búlgaros!
Cruzamos por muitas carroças puxadas a cavalos, as pessoas depois de saudadas, com o seu semblante tisnado do sol, sorriem e dizem adeus... num camião, sob a capota de lona... surgem duas crianças, cabecitas de fora a dizer adeus... com ar de pobres... mas as crianças pobres, em quase todas as viagens sorriem, como que a dizer que um dia hão-de mudar o mundo... ao cruzar-me com o camião dos anos cinquenta, enviaram-me com um ''ar de felicidade''  um sorriso aberto e franco... que pena não ter podido registar em foto o momento...
Continuamos cerca de 70 km de sinuosa estrada, até que reencontramos de novo o Mar Negro. Havia-mos inserido no GPS Igo8 um dos ''camping''... passamos por um... mas não soubemos nem insistimos procurar o seu acesso... prosseguimos até que no que localizamos no GPS, se foi... já não era...
Mais uns km adiante em direcção a Sozopol, nem chegamos ao segundo indicado, demos de frente com o Camping da Sveta Marina Area.


Entramos... praia à ilharga... todo bom, excepto os wc, iguais ou piores que os já conhecidos de Marrocos... 
sem legenda... no Mar Negro Búlgaro!...
Fui apenas molhar os pés pois o meu pé já não registava inchaço, mas estava bastante ''molestado'' com uma mancha encarnada nada agradável... na água morna do Mar Negro, sentia-me bem com ela a refrescar-se...
Percorridos: 10.342 Km - Dia: 58 Km
Pernoita: Antes 2,5km de 8130 Sozolpol - www.zlatnaribka.bgcamping.com
Ampliar clicando... acham que estou bem?...
Dia 53 - 21AGO10 - Sábado
 SOZOPOL - BURGAS - PROMORIE (Bulgária)
Decidido visitar a pequena cidade de Sozopol.
O porto de Sozopol

Sim... Police!!!
Cidade antiga, com porto de mar. Imensos veraneantes de ''leste''. Ruas de automóveis e peões... como antigamente... ia à frente e quando me apercebi já era tarde... mesmo se podia-mos ter arriscado... optamos por calmamente fazer inversão de marcha pelos becos onde entramos e finalmente estacionar no porto. 







Visita interessante, pelo comércio turístico e pelas visitas às reminiscências do passado locais.
A entrada na pequena igreja ortodoxa, deu para entender que as pessoas são imensamente crentes... fazem fila para colocar a mão num dos ''quadros''... e após passar algodão embebido nalgo numa ''pedra'' dentro dum baú do tamanho de dois palmos... beijam a superfície lisa...
Não registamos em fotografia por haver dísticos a proibir as mesmas.


Retomamos seguindo de novo a indicação de novo camping após Burgas por onde fizemos um circuito auto em pleno centro citadino. Uma grande rua de peões à esquerda com muita gente. 

Decidimos prosseguir e ao chegar ao fim de viagem traçado pelo GPS, nada surgiu... uns 500 mts adiante, avistamos a indicação de Camping... entramos a pé por acharmos que seria apenas para tendas... mas, não... entrava-se por entre uns pequenos ''bungalows'' e estacionava-se na estreita rua... tudo de muito bom aspecto e claro muito bem cuidado... os ''residentes'' simpáticos, não arriscando falar ''connosco'', um ou outro dizia ''Bonjour''!
A praia... aqui pertinho...
Uma mesa mesmo ao lado da minha AC... coberta com um lindo toldo, permite-me fazer dela a minha nova ''sala de espera''...
Percorridos: 10 342 Km - Dia:  57 Km
Camping DIANA - Promorie - GPS - N 42.56342º  - l 27.59549º

Sobrinho Hugo e Tio ao almoço...
Dia 54 - 22AGO10 - Domingo
PROMORIE - NESEBAR ou NESSEBAR (Bulgária)
Propus aos meus parceiros de viagem, deixarem a AC no simpático e minúsculo camping DIANA.
O objectivo era a visita da cidade mais próxima, cidade velha e parte nova de mil e um hotéis...
Mas na minha mente, e disse-o aos meus seguidores, era visitar um sobrinho meu, o Hugo Melo, que com mais três amigos vieram ''numa nice'' passar semana e meia de férias num dos hotéis de Sunny Beach.
Demos uma olhada na cidade de POMORIE, mesmo até ao mar. 








Pomorie ( búlgaro : Поморие) é uma cidade e estância costeira no sudeste da Bulgária , localizada numa estreita península rochosa em Burgas Bay no sul da costa búlgara do Mar Negro . Localizada na Província de Burgas (a 20 km) e a 18 km de Sunny Beach . A lagoa ultrasalinada Lake Pomorie , a norte da Burgas Lagos , encontra-se na proximidade



Pomorie é uma cidade antiga e hoje um importante destino turístico. 


A passagem para a Cidade antiga - Património Mundial, ao fundo a enorme Sunny Beach a quem chamam a Riviera Búlgara
De novo a caminho de Nesebar, e estacionamento à entrada da península onde se inicia a ''Old Town''...
Mesmo após haver estacionado, chega um dos imensos ''Bus'' para a zona balnear contígua, mas longa... entrei. Perguntei onde era o Hotel onde estava o meu sobrinho... paguei o bilhete pelos cerca de 10 km de percurso... nada mais nada menos que 1 Leva (cerca de € 0,50!!!).
Havia ligado ao meu sobrinho... como o despertei do sono pós ''night'',... ligo-lhe quando chego ao seu hotel e digo-lhe que estou na paragem do autocarro... para espanto meu, responde que também lá estava... mas não via nada.... muita gente a passar...
Então, é assim... ele estava na entrada da Cidade Velha, e eu no seu hotel...
Lá vim de volta e vai daí fui à primeira ''loja'' mesmo à entrada... anunciava câmbio do € = 1,95 Lev,... e levaram-me mesmo... Pagaram-me € 1,00 =  1,65 Lev... em € 60,00, perdi € 18,00, ou melhor... fui literalmente roubado!!!
Nos locais de muito turismo na Bulgária, é assim... olho atento!!! Aquele câmbio era o de Compra de moeda e o meu omitiram... mas, eu sabia que em média o cambio era de 1,93 a 1,95 Lev...
A ''piquena'' da Caixa, fechou de imediato a porta e à saída, um ''gorila'' já não me deixou voltar a entrar...
Uma coisa sei há muito... Bêstas e insolentes, há-os por todo o mundo.
Avisei de que as coisas não ficariam por ali e chamaria a Polícia... pelo caminho contei à segunda patrulha de polícia em bicicleta,... mas não podiam fazer nada... já sabiam de tudo... lamentaram... mas não era da sua competência...
Rua de Nessebar
Galeria de Arte... actualmente...
Fomos almoçar num bem arejado e decorado restaurante. Fizemos a visita à parte histórica - Cidade Património Mundial.
Havia que comemorar o reencontro...
Cá do restaurante sob a praia... via-se um segundo num ''galeão'' meio dentro, meio fora de águia
Pois... se apenas esta amostra de salmão, saíu caro... 
O ambiente era confortável e agradável... sobre o Mar Negro.
Depois... à saída... vejo um mais idoso que eu, britânico, de igual modo a discutir alto e bom som com o tal ''gorila''...
as casas do centro histórico
Nesebar (búlgaroНесебър Nesebar, pronunciado [nesebər]; outras grafias incluem Nessebar e Nesebur) é uma antiga cidadee uma importante estância balnear no Mar Negro, costa da Bulgária, localizada no município de NessebarBurgas Província.Muitas vezes referida como a "Pérola do Mar Negro"e"da Bulgária Dubrovnik", Nesebar é uma rica cidade-museu definida por mais de três milênios de história, mudando sempre.
Map showing Nesebar's location in Bulgaria
É um dos destinos turísticos mais proeminente e os portos do Mar Negro, no que se tornou uma área popular com vários resorts de grande maior, Sunny Beach, está situada imediatamente a norte de Nessebar.
Nesebar por diversas vezes encontrou-se na fronteira de um império ameaçado, e, como tal, é uma cidade com uma rica história. A parte antiga da cidade está situada em uma península (anteriormente uma ilha), ligada ao continente por um estreito homem istmo, e não tem evidências de ocupação por uma variedade de diferentes civilizações ao longo de sua existência. Sua abundância de edifícios históricos levaram a UNESCOa incluir Nesebar em sua lista de Patrimônio Mundial da UNESCO em 1983.
Vai daí, ajudei na ''contenda'' e dirigi-me aos mesmos polícias que havia encontrado no interior da cidade, que encolhiam os ombros e deveria ir à esquadra a uns 6 km...
Como reparei na farda que eram policias municipais, passei adiante, entretanto desta vez encontrei uns 8 de uma assentada em amena cavaqueira...
Perguntei-lhes qual deles todos era ''Polícia'' a sério... e apontaram-me para dois deles... Recusaram-se a acompanhar-me, porque na Bulgária ''era assim''... Exigi a sua presença não me responsabilizando pelo que accontecesse sem a sua ida ao local... contrariados, lá foi ''um sargento'' e um guarda tipo ''buldozer''... de nada serviu... tentavam que viesse cá para fora da área de câmbio conversar baixinho... e eu gesticulava com a mão ''dedos em leque'', chamando ''ladrões''... dando ''nas vistas''... pedi a identificação dos polícias... não ma deram ao que respondi que levaria comigo a sua foto...
Que não, que me prendiam... até lhes disse que agradecia pois assim ia à borla para a esquadra...
Os corruptos e cobardolas polícias...
Cobardemente... iam fugindo como dois cachorros... chamei-lhes uns fora de lei e que escreveria para a Polícia central... sim, sim... escreve... mas sempre que apontava a máquina... viravam ''as fuças'' para o lado...





Ouviu falar... e... Portugueses podem entrar...
claro... as ''matrioscas''...
Resumindo e concluindo:
Sabe-se que a Bulgária tem um PIB e um rendimento per capita muito abaixo do nosso.
Vê-se em todo o lado, carros a cair de podre, em contraste com outros muitos topos de gama... e gente nova... impressionante este país de corruptos... e entraram na CE!!!... Viva a Turquia!!!
Hoje já não fomos à praia...
Lá chegamos ao nosso ''cantinho''...
Ao pagar o camping, o seu dono, sabendo que eu vinha ''da Portugália'', assim epitetou Portugal, emitiu-me uma ''folha animada'' com os preços por AC.
Fiz questão de lhe dizer que tem um local pequeno mas acolhedor e simpático e iria colocar essa informação no meu blog... ganhei logo, sem pestanejar uma garrafa de vinho ''reserva'' Búlgaro... e, claro retribuí com uma de ''Borba''... ah gracias... Portugalia!!!
Pedi a conta do camping... sorrindo... fez o desenho de 2 AC... e colocou o preço de cada um: € 13,00 por AC...
A foto regista os momentos...
E a factura... que achei deliciosa... ahahah
A factura... ou 100 Lev as 2 AC, ou € 53,00 2 noites...
O jantar, foi confeccionado pela Emília, no ''meu complexo'' privativo...
O calor,... foi-se... mas... ainda se está bem. De dia, Sol e brisa fresca.
A net à noite, enfraqueceu... talvez por andarem no ar muitos mosquitos... nada que não se tenha ultrapassado com ''o sulfatar'' o interior dos aposentos com o spray indispensável... mais que o extintor.
Percorridos:- 10.407 Km - Dia: 65 Km
Moto da Armada Búlgara, na Festa dos ''motards''
Dia 55 - 23AGO10 - 2ª. Feira
COSTA DO MAR NEGRO - BULGÁRIA
PROMORIE - NEVESAR - BANJA - RUDNIK - KAMCIJA (Bulgária)
Havia que retomar o percurso préviamente delineado, sem pressas... curtas distâncias, tentar sentir o ''pulsar'' do povo búlgaro...
Até antigos e enormes hotéis são abandonados... Logo à saída de Pormorie.
Antes de sairmos questionamos o dono do mini-camping onde pernoitamos... a resposta, igual a tantas outras... ''aqui na Bulgária não há campings''... estrada fora, sempre a cumprir zelosamente os limites de velocidade... 90km/hora... 60km/hora... e nas povoações, religiosamente os 40km da praxe... deste modo a Polícia Búlgara que se cuide... terão de ir sacar ''guita'' a outros...
Pelos percursos interiores, ou campos abandonados, ou imensas matas até às estradas.
Apontamos para um dos campings do GPS que ao lá chegar... nada se vê... mas, já aprendemos que há que procurar nas imediações... a uns 1,000 mts,... eis que está lá assinalado o dito.
Entramos a pé, para ver como era,... um cartaz anuncia ''encontro de motards'', e por caricato que pareça, é um jovem numa cadeira de rodas que nos diz para procurarmos outro... pois ali hoje, não seria aconselhável... entendemos... muitos jovens de ''rabicho'' na cabeça e imensas tatuagens, sorriam para nós... todos de ''bejeca'' na mão... todos muito sorridentes e simpáticos... 
Por uma estreita estrada chegamos a um largo, onde muitas tendinhas vendiam um pouco de tudo a preços de ''cá-cá-rá-cá''... mas falar qualquer língua.... nem pensar... apenas o Búlgaro.
Deu para entender que à volta imensos terrenos com velhos ''bungalows'', se tratava de zona balnear dos locais... 
Numa espécie de posto de turismo local, questionamos mas nada... não sabem falar para além da sua língua materna... sorriem muito...
Há que entrar num desses terrenos. Optamos por um com uma simpática esplanada, sob uma frondosa floresta... ''No Camping''... insistimos, surge então uma jovem de 18 anos, linda de morrer, que nos diz que perante a nossa insistência iria ligar ao ''Boss''... ok... nice...
Do outro lado da linha a resposta foi de que tudo bem... uma noite € 10,00 cada AC.
Consultei o portátil... 3 hot-spots via Wireless... Um do tal posto de ''turismo local'' que entendeu logo ao que ia... e me dá um pequeno papel com a password impressa, o outro do ''complexo'' onde estamos a que a Ivi (nome da jovem) logo escrever também a chave respectiva... abertas as portas do mundo mesmo sem sair da AC!!!


Consultada a ementa do restaurante, verificamos que os preços rondavam os € 3 a € 6,00... a boa cerveja 0,50lt a € 1,00... o café a € 0,50 - Está visto que não vamos hoje tocar nos tachos...
Uma vista de olhos à longa praia para reconhecimento, almoço no vizinho restaurante do local de pernoita,... e... enquanto os meus amigos fazem a sesta... eu teclo por aqui...
A meio da tarde, fomos a banhos... o mar estava um pouco exaltado... as vagas eram pequenas, mas derrubavam um qualquer... fui de zorro umas duas vezes... agradável mesmo assim.
só não voa... anda e navega...
Uma passeata pela praia, até que encontramos sobre a mesma 2 AC, uma Búlgara e outra (pasme-se) Lituana, lá de cima do mapa... ''acampados'' sem medos...
Pena o abandono... dentro de floresta e a 100 mts do mar
Tudo ao abandono
Na volta para o nosso lugarzito, passamos por imensos ''campos de férias'' de antigos ''bungalows'' abandonados... outros ainda em funcionamento. Muitas loginhas de ''souvenirs'' e até vi calções e toalhas de banho de boas marcas, a 7 Lev cada (€ 3,50)!!
A voltinha terminou com a incursão nos enormes parques circundantes, imensamente arvorizados, sendo que constatamos que estavamos paredes meias com o camping que inicialmente procuramos e onde se iniciavam os preparativos para a ''invasão'' de motards no próximo fim de semana.
A única deficiência do ''nosso camping'', é não ter ''duches'', coisa que se ultrapassa facilmente na AC.
Com música ao vivo... um jantar, sobremesa incluída: € 8,00!
O JANTAR,... e as ''bejecas'' de 1/2 litro... 
Adoro gelados, mas este, é misto, fruta e gelado... uma delícia... por € 1,80!!!
Jantar no simpático e baratérrimo restaurante... internet... e cama...
GpS - N 43.03939º E 27.88477º
Percorridos: 10.502 Km - Dia: 105 Km
Enquanto se vai às compras... com as fotos da família... eis um belo quadro de ''artista''!
Dia 56 - 24.AGO.10 - 3ª. Feira
KAMCIJA - VARNA - GORSKA FEYA (Bulgária)
Decidimos avançar de novo, mesmo se o local onde ficamos (genuinamente Búlgaro) nos agradava.
Passados uma vintena de km, chegamos à terceira maior cidade da Bulgária: VARNA.
Voltas e mais voltas em redor do centro, mas, mesmo com a ajuda do GPS na procura de Parques de estacionamento, ou eram para veículos pequenos e estavam repletos, ou não estavam guardados e mesmo assim com vagas para um ou dois carritos...
Varna
Centro de Varna

Passagem de Varna
Ainda passamos ao lado do Museu da Marinha (viam-se barcos e helicópteros do tempo da Grande Guerra), e da praia da cidade. É nesta cidade que funciona a Sede da Marinha Búlgara pois é um local estratégico para a NATO e CE.
Cidade centro de negócios, importante destino turístico e universitário.
Optamos por não parar... ficará para outra passagem pelo país...
Assim sendo, seguimos de novo em direcção ao Norte.


À saída da cidade, ainda paramos numa zona arborizada enorme, com residências, piscinas, e toda uma série de equipamentos de apoio... médico, supermercado, banco, polícia... entramos e visitamos um ''mosteiro ortodoxo'' do séc. XVI.
De novo retomamos até um novo parque do género, uns km mais acima de Varna... Ticket de entrada... um parque natural onde existe de tudo... o parque própriamente dito, hotéis, imensas zonas cuidadas de ''bungalows'' - onde nos indicaram ser ''camping''... 
por entre a floresta, chega-se à enorme praia
Ao lado dum restaurante, sob a copa de árvores de 12 a 15 mts de altura que fornecem sombra práticamente todo o dia...
A chegada ao arborizado parque...
piscinas... várias...
A minha AC... ao pé do Restaurante... quem não resiste?
Os ''bungalows''...
O caminho para a praia...
Estava na hora do almoço, e uma vez mais, a preguiça de viajante levou-nos ao dito restaurante. Self-Service... cada um trazia o que queria... apenas a cerveja à parte... mas, trazia-mos os pratos para a esplanada, comia-mos, e como somos sérios e honestos, chamamos o jovem ''cobrador'', que nos pediu por tudo, prato, salada, sobremesa diversa e café... 10 Lev ou seja € 5,00! A ''bejeca'' daquelas ''boas'' de 0,50lt ficou por € 1,00.
os nossos vizinhos eslovenos... foram passear no ''jeep'' e deixaram a casa...
Um pouco após, fomos até à praia, que fica talvez a 1 km, parque dentro forrado de arvoredo e uma praia enorme com pipas de gente Búlgara e muitos Romenos, ou não fossem vizinhos...
Quando chegamos estava apenas uma tenda dum simpático casal Romeno que nos deu mais umas dicas para as próximas etapes e uma AC da Moldávia.
No final de dia surgiram mais 2 de alemães.
mais praia...
O dia de hoje, foi passado num ambiente típicamente Búlgaro, mas, mais refinado, diria que da classe média. Após o jantar, decidi não ''fazer um tour'' no complexo... segundo me contaram os meus parceiros, a animação surgia nas ruas e nas esplanadas... romarias de gente...
Amanhã passaremos para o país vizinho - a Roménia.
Kurort Albena - GPS N 43º.21'53.57'' E 28º4'1.22''
Percorridos: 10.567 Km - Dia: 160 Km

Saída da Bulgária... entrada na Roménia.
Dia 57 - 25.MAI.10 - 4ª. Feira
GORSKA FEYA (Bulgária) - DURANKULAK (FRONTEIRA ROMENA) - 2 MAI - MANGALIA
Avançamos em direcção da fronteira mais próxima do mar, mas ao sair da ''zona-resort'', não obstante havermos pago o camping (€ 10,00), pagamos a ''portagem'' de 5 Lev (€ 2,50),... modernices da Bulgária...
Os últimos 60 km foram passados a baixa velocidade, tal o mau estado das estradas. Chegaram mesmo ao ponto de as sinalizarem em toda a extensão com placas de velocidade máxima 40 Km/hora.
Nas duas passagens pela Bulgária, nota-se um abandono das culturas, imensos campos abandonados.
Nesta parte da viagem, mau grado o piso da estrada, vimos campos enormes em planície de milho, girassol e algumas vinhas.
A saída da fronteira, nem paramos. Do lado Romeno, mostrei a um agente o bilhete de identidade e o livrete da AC... e já está... siga... Benvindo à Roménia com um sorriso ''rasgado''...
a saída da Bulgária...
A vinheta custou-nos € 3,00! Mas afinal à entrada paguei € 5,00... replicando o ''agente/funcionário'' que ali é que cobravam o correcto, e de novo nos estende a ''vinheta'' e uma folha ''tipo lençol'' do computador...
Passagem na fronteira ao Km 10.649.
Os limites de velocidade na Roménia: 50km/h Povoações - 100 km/h e AE 130 Km/h.
A estrada Romena, nada tem a ver com a Búlgara... bom piso... nota-se a diferença.
Logo após a fronteira, o mar... negro de nome, mas azul... e... junto à praia uma boa dúzia de AC daquelas que ''pastam junto ao mar tempos infinitos''... alemães, suponho... campismo selvagem? Uma maravilha... nós é que nos habituamos ao ''conforto'' do camping e seguimos...
Imensos parques de campismo em toda a costa... e com muitas tendas e ''roulotes''...
Passagem pela cidade de Constanta e ''entrada'' numa península entre o mar e um enorme lago, península essa, ''portajada'', em 3 Lei (cerca de € 080), uma espécie de Tróia em Setúbal.
Muitos hotéis, cafés, restaurantes, lojas, etc... aquilo a que por estas bandas chamam a ''RIVIERA ROMENA''.
Constanta
A foto serve para ilustrar as ''tarjas'' publicitárias de lojas contíguas... na Roménia é assim.
Como o GPS nos fazia contornar o lago, entramos no Camping que achamos aceitável.
Não justifica referir o nome, está na foto... já que o Camping que sabíamos recomendado pela ASCI (espanhola) ficava a uns 1.000 mts..
A praia contígua à praia.
de novo... enfiado na água... 




Uns mergulhos na praia contígua. Como não havia net/wireless, no final do jantar fomos estrada fora até ao Camping Holiday's, que mesmo à noite, deu para entender que se tratava de um Camping a sério. O preço idêntico a outros tantos.
Constatamos aquilo que já havíamos entendido, o povo Romeno, é muito hospitaleiro e apenas nas zonas isoladas e campestres nos cruzamos por pessoas mais parecidas no vestuário e no visual daquelas que polulam pelo norte de Portugal.
Nas praias... nem notamos que estamos na Roménia, e muitas mulheres bronzeiam-se despreocupadamente em ''topless''...
Comum à Bulgária e à Turquia, ver imensas mulheres a fumar... que pena...
o PREÇÁRIO do Camping... 15+22+12 = € 11,50!

GPS: N 44º15'53.36'' - E 28º 37'10.60''
Percorridos: 10.718 Km - Dia: 151 Km
As eclusas do canal em Navodari
Dia 58 - 26.AGO.10 - 5ª. Feira
MAMAIA - NAVODARI - MAMAIA (Roménia)
Pela manhã, mudamos de Camping.
Apenas 1 km adiante, em direcção de Navodari, fizemos a meia dúzia de km para dar uma olhada na pequena cidade. Umas comprinhas no ''Plus'', e regresso.

A igreja central...
Um barco passa as eclusas...
O Camping efectivamente mereceu a ''troca''. Tem tudo que precisamos... praia, arvoredo... uma enorme esplanada com bar e restaurante... é claro que nem tocamos no frigorífico todo o ''santo'' dia... boas instalações de apoio, ''wireless'' e muita praia.

Optamos por ficar junto ao mar...
Mais uma bela praia.
Uma tenda da ''cruz vermelha'' para o que der e vier.
O complexo de saída do Camping para a praia, com mini-mercado, bar e ''toilets''...
Fizemos as despedidas do Mar Negro com uns bons mergulhos nas agradáveis águas.
Sim, a esplanada do Camping, respeita a natureza... as árvores não foram sacrificadas.
Sim. Duas árvores felizes no Camping Romeno.
E assim se passa um dia sem tempo para nadaaaa... apenas para nadar!
Camping Holiday's: GPS N 44º16'24.88'' - E 28º 37' 14.85''
Percorridos: 10.736 Km - Dia: 18 Km
Enviar um comentário