De Autocaravana, tenho vindo a viajar ''cá dentro'' e pela Europa... para lá do Círculo Polar Àrtico - até ao Cabo Norte, onde vivenciei o ''Sol da Meia-Noite''.
Viajei em Autocaravana pelo Norte de Àfrica... (mais de uma vez), muito para lá do Trópico de Cancer... até à Guiné-Bissau.
Fui também por estrada à Àsia - Turquia e Capadócia, sendo que no regresso fiz a Croácia e dei um saltinho a Mostar e Saraevo na Bósnia-Herzegovina.
Sem pretensiosismo literário ou outros, apenas pela PARTILHA, dessas e outras viagens vou dando conta neste espaço.

Países visitados em Autocaravana: - EUROPA: ESPANHA – ANDORRA -FRANÇA-ITÁLIA-MÓNACO- REINO UNIDO - IRLANDA -HUNGRIA-REP.CHECA-SUÉCIA-ESLOVÉNIA - ESLOVÁQUIA- POLÓNIA-AUSTRIA-SUIÇA-ALEMANHA-BÉLGICA-HOLANDA-DINAMARCA-NORUEGA-FINLÂNDIA-ESTÓNIA-LETÓNIA-LITUÂNIA-BULGARIA - BÓSNIA HERZGOVINA- ROMÉNIA -GRÉCIA – CROÁCIA – LIENCHSTEIN – LUXEMBURGO – S.MARINO - VATICANO ÀSIA : -TURQUIA-CAPADÓCIA ÀFRICA: GUINÉ-BISSAU – CASAMANÇA – GÂMBIA – SENEGAL – MAURITÂNIA – SAHARA - MARROCOS

Outras viagens:RÚSSIA (Moscovo e S. Petesburgo) -AMÉRICA do NORTE:CANADÁ (Quebec-Ontário-Montreal-Otawa-Niagara falls) - EUA(Boston-Nova Iorque-Cap Kenedy-Orlando - Miami)AMÉRICA CENTRAL:CUBA (Havana - S. Tiago de Cuba - Trinidad - Cienfuegos - Varadero)- ÀSIA :CHINA (Macau-Hong Kong) - VIETNAM(Hanói-Danang-Ho Chi Min) -

domingo, março 07, 2010

Plantar uma árvore!

Porque razão, há-de alguém plantar uma árvore? 
As razões podem ser muitas.
Porque se gosta, por razões de privacidade, para fruir uma sombra no Verão,  para se proteger dos friorentos dias de inverno, para criar uma barreira sonora, para reduzir a erosão do solo, para neutralizar a poluição do ar, por razões económicas, para valorizar uma propriedade, pela beleza, pelas floração na primavera, pelos frutos, para dar poiso à passarada e outros animais, porque quer oferecer a uma pessoa ou lembrar alguém…
No caso vertente, para repetir um gesto que concretizei há uma trintena de anos.
Dar ''vida'' a uma planta, que não ''adoece'', e nuns quinze dias ao ano nos entrega um fruto de que gosto: ''O Diospiro''...
É claro que daqui a dois anos já sairão os primeiros exemplares... nada melhor que transmitir a ideia a uma criança que poderá ao longo de muitos anos seguir a vida da ''árvore'', e colher os seus frutos...

Enviar um comentário