De Autocaravana, tenho vindo a viajar ''cá dentro'' e pela Europa... para lá do Círculo Polar Àrtico - até ao Cabo Norte, onde vivenciei o ''Sol da Meia-Noite''.
Viajei em Autocaravana pelo Norte de Àfrica... (mais de uma vez), muito para lá do Trópico de Cancer... até à Guiné-Bissau.
Fui também por estrada à Àsia - Turquia e Capadócia, sendo que no regresso fiz a Croácia e dei um saltinho a Mostar e Saraevo na Bósnia-Herzegovina.
Sem pretensiosismo literário ou outros, apenas pela PARTILHA, dessas e outras viagens vou dando conta neste espaço.

Países visitados em Autocaravana: - EUROPA: ESPANHA – ANDORRA -FRANÇA-ITÁLIA-MÓNACO- REINO UNIDO - IRLANDA -HUNGRIA-REP.CHECA-SUÉCIA-ESLOVÉNIA - ESLOVÁQUIA- POLÓNIA-AUSTRIA-SUIÇA-ALEMANHA-BÉLGICA-HOLANDA-DINAMARCA-NORUEGA-FINLÂNDIA-ESTÓNIA-LETÓNIA-LITUÂNIA-BULGARIA - BÓSNIA HERZGOVINA- ROMÉNIA -GRÉCIA – CROÁCIA – LIENCHSTEIN – LUXEMBURGO – S.MARINO - VATICANO ÀSIA : -TURQUIA-CAPADÓCIA ÀFRICA: GUINÉ-BISSAU – CASAMANÇA – GÂMBIA – SENEGAL – MAURITÂNIA – SAHARA - MARROCOS

Outras viagens:RÚSSIA (Moscovo e S. Petesburgo) -AMÉRICA do NORTE:CANADÁ (Quebec-Ontário-Montreal-Otawa-Niagara falls) - EUA(Boston-Nova Iorque-Cap Kenedy-Orlando - Miami)AMÉRICA CENTRAL:CUBA (Havana - S. Tiago de Cuba - Trinidad - Cienfuegos - Varadero)- ÀSIA :CHINA (Macau-Hong Kong) - VIETNAM(Hanói-Danang-Ho Chi Min) -

quinta-feira, março 20, 2014

Dia 32 a 37 de viagem - 15mar a 20mar14 - de Zagora a Marrakech


Dia 32 - 15mar14 - sábado
AGDZ - ZAGORA
O 'oásis', os 'kasbah' e as montanhas despidas e belas.
Há hora habitual, partimos para sul de novo, desta vez para uma cidade que ainda não conhecíamos às portas do deserto.
quando não tem burro... são as mulheres que carregam os fardos...
Paisagem bem diferente das anteriores, sempre nas cercanias do rio com milhares de palmeiras e canaviais a dar um sinal de vida, razão pela qual ao longo de todo o percurso vimos gente a caminhar ao longo da estrada e as habitações iam surgindo a cada km passado.
...diria que o melhor amigo do homem nestas bandas... é o burro... nem por isso bem tratado...
as portas que separam regiões... vamos entrar na província de Zagora
Percurso efetuado nas cotas de 700 a 900 mts... com bom piso.
paisagens bem diferentes de tantas outras...
Durante o percurso, cruzamo-nos por dezenas e dezenas de autocaravanas e por 'jeep's' com turistas a bordo...

... deixo que as imagens falem por mim...

o 'oásis' vai dando hipóteses de sobrevivência às populações em redor.
A meio da viagem eis que surge a autocaravana do casal que conhecemos em Tiznit ( Isabel e António Garrido) pelo que uma paragem para troca de experiências da viagem ocorreu por breves instantes.
metade dos edifícios da região são erigidos com 'adobes'
à esquerda o rio e o 'oásis'... as enormes escarpas sobre a estrada
enormes planaltos 
Alguns dos edifícios sob a forma de 'kasbah', mais parecem os edifícios dum país que tencionava visitar... o Mali...
Gostei desta região repleta de palmeirais,,, e onde nos íamos cruzando por centenas de adolescentes que iam ou vinham das escolas a pé ou de bicicleta...


Já próximos de Zagora... magotes de rapaziada ocupavam a via vindos das escolas...
talvez pela zona ser plana, a bicicleta é muito utilizada pelos jovens
Não acertamos com o 'Camping', mas sem grande trabalho, acabaríamos de descobrir dois bem no centro da cidade.
para todos os gostos...
o 'exemplar' que mais nos agradou... na retaguarda, leva uma grua para fazer içar uma pequena viatura...
já foi duma corporação de bombeiros... agora, virou 'casa de viagem'...

uma cidade com muitas esplanadas
Depois de instalados, a voltinha pedestre de reconhecimento do centro citadino.
imensos largos convidam os jovens ao jogo da bola...
um trecho do simpático Camping
O Camping que nos acolheu tem instalações razoáveis.
Camping Les Jardins de Zagora cujo responsável Akhatar Mohamed nos recebe com simpatia. 
Gps: N 30º 19' 45.5''   W 005º 49' 56.6''
a parte sul de Zagora - o deserto
A zona de deserto fica a uns 100 km's daqui. O próprio Mohamed organiza 'raid's' ao deserto em viaturas 4x4, com possibilidade de dormida em tendas nómadas.
Como já conhecemos na visita efetuada a Erfoud, não nos inscrevemos, nem decidimos avançar até L'Mhamid pois todas as informações que detínhamos nos aconselharam a não fazê-lo por duas razões a saber: 1ª. não seria mais interessante que as dunas de Erfoud, 2º. A estrada tem 50 km de mau piso o que significaria a termos de fazer 100 km de buracos, que de todo não nos agradaria.
as canas são aproveitadas para cobertos, muros, portas... 
Percorridos: 3.306 Km ( Dia 96 Km)
Dia 33 - 16mar14 - domingo
ZAGORA
Sabíamos que hoje se realizaria o habitual mercado/souk.
Foi para lá que nos dirigimos a meio da manhã.
Nas traseiras do mercado, a feira ocupa um enorme espaço e as tendas oferecem de tudo à clientela.
Foi aqui que decidi iniciar a 'odisseia' de comprar algumas 'especiarias' que me haviam sido pedidas pela Alexandra ( autocaravanista de S. Tiago do Cacém)...
A pressão dos sempre atentos 'caça comissões'... ia-me irritando... sempre que pedia um preço... nem deixavam o 'comerciante' abrir a boca... atiravam logo com preços exorbitantes para depois poderem reivindicar a sua parte...
Consegui fazer 'negócio' na compra de tagine pintada cujo preço inicial ia para o dobro... e a pimenta preta em grão... os cominhos em grão... a 'Ras el Hanout'... enfim... fico sem saber se paguei para além do razoável já que não sabia o preço de referência...
Decididamente, para entrar num 'meandro' destes, será obrigatório ter previamente uma ideia dos preços... é tudo a 'olho'... só contratando alguém da terra em quem se tenha confiança... 

 Dei por bem empregue esta caminhada por entre uma imensidão de mercado. 
Dia 34 - 17mar14 - 2ª. feira
ZAGORA - AGDZ - QUARZAZATE
Saímos no início da manhã pelo mesmo percurso que nos trouxe até cá.
Até Agdz com boa velocidade atendendo ao percurso de planalto.
Oásis do Draa



o solo neste percurso







Após Agdz, calmamente no sobe e desce torneando montanhas de penhascos igualmente percorrida há três dias.







em Quarzazate... os 'maples' em moda? 

Mesmo se havíamos percorrido o mesmo percurso 2 e 3 dias antes, fomos parando aqui e ali para apreciar paisagens tão diferentes e belas.
Percorridos: 3.472 Km ( Dia 166 km )
Dia 35 - 18mar14 - 3ª. feira
QUARZAZATE
Ao amanhecer caíram umas bátegas de água... segundo os locais isto não é chover...
Mais um 'arejo' nas zonas da cidade mais batidas pelos turistas mesmo se já por cá passamos já lá vão uns 8 anos.
A temperatura caiu um pouco e as nuvens surgiram a meio da tarde.
Um dia para retemperar forças.








Dia 36 - 19mar14 - 4ª. feira
QUARZAZATE - MARRAKECH
Partimos às 9 da manhã pois iremos fazer uma estrada longa e penosa mas bela, pelo que tentaremos chegar a Marrakech a uma hora aceitável.
Percorridos os primeiros 25 km, começamos a avistar no horizonte os picos de neve do Alto Atlas.






os 'vendedores' de fósseis... ao longo de toda a estrada


Sempre por estradas sinuosas mas de piso razoável, com altitudes que vão subindo até aos 2.250 mts no ponto mais alto da estrada em Tizi-n-Tichka.



uma imagem... vale + que mil palavras...


 Em todo o percurso, sempre que surge um local panorâmico com estacionamento, lá estão as centenas de 'lojinhas' para o turista adquirir louças dos mais variados tipos, os afamados 'fósseis' e até locais onde as 'tagines' sopram os quentes aromas...



 Já lá vão 8 anos que nesta estrada, ao ver centenas de homens a 'acenar' com fósseis luzidios, quais brilhantes de cores diversas, me abalancei a comprar um... vim depois a saber que a compra acertada seriam os menos belos, mas de cor natural... todos estes são pintados de forma hábil dando um maior destaque ao objeto...
Como o percurso obriga a paragens para olhar toda aquela beleza, decidimos antecipar o almoço já a 60 km de Marrakech, mais própriamente numa pequena localidade Âit-Ourir.
A criançada passava ruidosa vinda da escola.
Estava já a aguardar que os meus parceiros de viagem estivessem prontos para a partida, quando me surgem à porta 3 'caras lindas e risonhas' que vinham da escola... 
Riam a bom rir, até que a mais 'velhita' me diz que a 'minha casinha' é muito bonita... e com gestos me fazem crer que adorariam entrar para ver como era...
Acedi ao pedido e surpreso fiquei quando ficam de olhos siderados nas fotos da minha neta...
Surpresa das surpresas... uma a uma... seguram na foto... e desatam aos beijos a ela...
Fiquei sem palavras...
Já cá fora, pedi para lhes fazer uma foto que aceitaram alegremente...
Chega entretanto 'um magote de rapazes e raparigas' que já estava eu sentado ao volante me pedem para colocar a música 'mais alto'...
Era ''Bob Dylan'' - Blood on the tracks - seria uma vintena deles... era vê-los... a dançar ao som da música e a sorrir de tanta alegria... nem me ocorreu fazer a foto inesquecível para registar o momento, tal o contágio recebido da criançada...
Este é mais um dos motivos que me fazem voltar a este país cheio de contrastes... e quando leio depoimentos de idosos franceses que como eu por cá andam, a dizer cobras e lagartos dos 'putos', que apedrejam as autocaravanas... não entendo mesmo... porventura, não tem já paciência para lidar com eles... e não sabem interagir de forma a que a sua simplicidade e alegria os contagie também. 
As despedidas com beijinhos soprados à partida...
A Kotobia em Marrakech
 A parte final da viagem foi mais ligeira já que a parte montanhosa foi ficando para trás.
Chegados a Marraquech seguimos em direção do _P_ que vem assinalado numa página francesa de AC muito próximo do ainda activo _P_ da Kotobia, contudo ao entrarmos na rotunda que dá para a 'porta' da muralha, reparamos que num enorme terreno estavam instaladas uma trintena de AC..
Nem era tarde nem cêdo, avançamos para lá pois ficar ali a 300 mts sem pagar os actuais 70 Dirhams/dia se tornava mais agradável pois espaço é o que não falta e a 'segurança' é coisa que nos não inquieta muito... 
A tarde foi passada na ''Place Jemaa El Fna'' - onde a 'abrir' encetamos a bebida do tradicional 'sumo de laranja' pela módica quantia de € 0,37!!!


















Uma revisita à enorme Medina... e o regresso 'ao bairro'...
Já a noite começava e de novo na Praça 'jantamos' naqueles pequenos 'pires' repletos de 'pequenos nadas' acompanhados de toda aquela animação e como sempre com lotação esgotada!!!
Dia 37 - 20mar14 - 5ª. feira
MARRAKECH
Não esperava-mos acordar esta manhã com o céu repleto de nuvens e uma chuva desagradável... Nunca tal me acontecera em Marrakech que conheço desde há 25 anos...
para que conste... 
Mesmo assim, fomos ver como se move a cidade com o tempo assim.
A ''Praça'' perde logo o encanto.
aqui passamos a noite - acalmia maior no centro da cidade? 
Mesmo com tudo alagado, a 'vida' na Praça continua... as serpentes... os macacos... 

os 'sumos' menos procurados...
porta
Refugiamo-nos na Medina/Souk onde o fervilhar dos negociantes nos surpreende sempre... um local onde a curiosidade nunca fica saciada.
um Hotel 5* encravado na Medina...

será que as 'parabólicas' estão viradas para Meca?
reúnião de 'Aguadeiros'?
um dos Hotéis mais requintados do Mundo - 6* - ficamos a 100 mts daqui...
estamos aqui a 30 mts... (a quem interesse)
os nossos 'táxis's'
vizinhança de viagens mais longas...
a janela do 'canário'...
Gps: _P_ N 31º 37' 12.3'' - W 007º 59' 59.2''
amanhã volta o sol.
Gps: _P_ N 31º 37' 12.3'' - W 007º 59' 59.2''
Enviar um comentário