De Autocaravana, tenho vindo a viajar ''cá dentro'' e pela Europa... para lá do Círculo Polar Àrtico - até ao Cabo Norte, onde vivenciei o ''Sol da Meia-Noite''.
Viajei em Autocaravana pelo Norte de Àfrica... (mais de uma vez), muito para lá do Trópico de Cancer... até à Guiné-Bissau.
Fui também por estrada à Àsia - Turquia e Capadócia, sendo que no regresso fiz a Croácia e dei um saltinho a Mostar e Saraevo na Bósnia-Herzegovina.
Sem pretensiosismo literário ou outros, apenas pela PARTILHA, dessas e outras viagens vou dando conta neste espaço.

Países visitados em Autocaravana: - EUROPA: ESPANHA – ANDORRA -FRANÇA-ITÁLIA-MÓNACO- REINO UNIDO - IRLANDA -HUNGRIA-REP.CHECA-SUÉCIA-ESLOVÉNIA - ESLOVÁQUIA- POLÓNIA-AUSTRIA-SUIÇA-ALEMANHA-BÉLGICA-HOLANDA-DINAMARCA-NORUEGA-FINLÂNDIA-ESTÓNIA-LETÓNIA-LITUÂNIA-BULGARIA - BÓSNIA HERZGOVINA- ROMÉNIA -GRÉCIA – CROÁCIA – LIENCHSTEIN – LUXEMBURGO – S.MARINO - VATICANO ÀSIA : -TURQUIA-CAPADÓCIA ÀFRICA: GUINÉ-BISSAU – CASAMANÇA – GÂMBIA – SENEGAL – MAURITÂNIA – SAHARA - MARROCOS

Outras viagens:RÚSSIA (Moscovo e S. Petesburgo) -AMÉRICA do NORTE:CANADÁ (Quebec-Ontário-Montreal-Otawa-Niagara falls) - EUA(Boston-Nova Iorque-Cap Kenedy-Orlando - Miami)AMÉRICA CENTRAL:CUBA (Havana - S. Tiago de Cuba - Trinidad - Cienfuegos - Varadero)- ÀSIA :CHINA (Macau-Hong Kong) - VIETNAM(Hanói-Danang-Ho Chi Min) -

domingo, novembro 13, 2011

Promessa cumprida


Ao abastecer na ES vizinha deparei-me com esta preciosidade
Dias 12 e 13-NOV-11
BRAGA-AVER.O.MAR-VIANA DO CASTELO - AFIFE - PONTE DE LIMA - BRAGA
Retirei a ''casa rolante'' da garagem, mesmo se a Meteo anunciava tem
não resisti a pequena tagarelice com o seu proprietário
pestade... rumei ao oceano.
Algo me chama constantemente em direção ao mar. As gaivotas continuam em terra - até aquela gaivota ''malhada'' meia cocha não teve necessidade de se defender do vento norte.
O vento sul, trazia um ar quente que nos deixava vaguear em mangas de camisa ali em Aver-O-Mar. 
A gaivota malhada e cocha, como as outras, viravam-me as costas, fiz-lhes o mesmo e deixando os meus amigos costumeiros, rumei a norte para cumprir uma promessa.
Um dia destes voltarei para tentar dialogar com ela, que bem conhece o mar infinito aos meus olhos e sentir o odor do sal que corrói tudo que é ferro... mas do mar nunca retirarei o olhar pois nunca se apresenta de igual geito pois vai sendo dominado pelas marés.
A passagem em Esposende no Cávado encoberto

Havia de cruzar Viana do Castelo e subir um pouco mais até Afife.
Ali me aguardavam os velhos amigos Manuela e Carlos para no quintal da sua moradia deixar um diospireiro prometido em tempos.

O despertar matinal... 
A intenção não foi de importunar os meus amigos, apenas de cumprir a promessa... plantar uma árvore fruteira e daqui a dois anos passar por lá para provar os tão apetecidos frutos.
Voltamos a Viana do Castelo. Uma olhada ao Campo da Agonia onde não estavam AC pelo que prosseguimos até ao Parque da Cidade (coisa que não existe na minha terra) onde estacionamos próximo de uma das marinas, a uns cem metros da ponte ''Eifell''.

Não seria o mau tempo a surpresa. Já estavamos avisados... uns fortes trovões... chuvas de bátegas pesadas... que nos despertam na noite mas nos incentivam a retomar o sono adormecendo de novo.
Um fim de semana diferente, de bem com a natureza e contentes de haver cumprido a promessa.
Enviar um comentário